Acerca de mim

A minha foto
"Sou alguém que chora e que ri, sou alguém que não esconde o que sente, sou alguém verdadeiro."

Tempo para crescer.

"Todos que nascemos temos um tempo para viver e para morrer,
temos tempo para amar
ou odiar, temos tempo
para ver o que é certo ou errado, temos tempo
para crescer."

18 comentários:

O Profeta disse...

Pintei em traços vibrantes
Aprisionei a beleza e a harmonia
Dancei no sabor de irreverentes matizes
Misturei a aurora com o fim do dia

Um violoncelo soltou duas notas sorridentes
Dançaram as cores de forma trágica
Os pincéis inventaram a doçura do teu rosto
Em movimentos de rodopiante mágica


Boa semana

Fragmentos Intemporais disse...

Que bela surpresa... e que belo blog!
Aliás, belo como os outros...

Gostei de saber de ti!

Beijo-te como mereces amigo do coração ***

dragao vila pouca disse...

Amigo, então...já não era sem tempo e o que é feito do Divinius? Acabou? Está a ser renovado para regressar ainda melhor?
Devo linkar este e apagar o outro?

Diz-me coisas e um abraço

Nilson Barcelli disse...

Bom regresso.
Gostei de te rever.
Abraço.

Jasmim disse...

"Qualquer "cara" lhe fica muito bem" :)

Como sempre inigualavel ...

Beijinho

Vieira Calado disse...

Coisas bem certas...

Bomfimde semana.

isabel disse...

À magia da criança, acrescento esta muito simples: acordar de manhã e poder saborear a vida.
Para ti esta quadra da minha autoria:

" O VENTO É QUASE VIDRO QUE REFLECTE O SOL PÁLIDO
EM QUE CORREM RIACHOS LÍMPIDOS EM CAMINHOS ESTREITOS
SENDAS ONDE BORDEJAM CACTOS E OUTRAS PLANTAS BRAVIAS
E SE COLHE A VIDA ÀS MÃOS CHEIAS!"

Foi esta vida às mãos cheias que descobri aqui em frases tão simples, quase ao jeito de Miguel Torga...
Abraço
Isabel

Malu disse...

Adorei sua visita as minhas páginas.
Tuas palavras são doces e teu blog de uma delicadeza total.
Tenho verdadeira fascinação por Charles Chaplin - o Poeta dos Movimentos e das intensas reflexões.
Aparecerei mais por aqui...
Abraço

eu Pateta disse...

ola, vejo que gosta de chaplin. e quanto a isso nao vou argumentar. traça ideias no minimo interessantes e escrevo-lhe para agradecer o comentário que me prestou mesmo que sendo sarcástico.
fique bem.

Vanelkian disse...

euPateta...Cada um olha como entende...
A intenção nunca foi essa;)

Elzenir disse...

Adoro Chaplin, suas mensagens jamais serão esquecidas.

Maffy ' ♥ disse...

obrigada :)
- adorei o blog, mesmo !

Aine Piena disse...

Tempo este que deve ser respeitado, por nós e pelos outros também, não vamos tentar acelerar, "correr contra o tempo" como dizemos no Brasil!

Brasil Desnudo disse...

Belo comentário, ainda mais acompanhado de Chaplin.
Postei Uma matéria falando do Tempo. Bem interessante!

Um ótimo fim de semana

MARCIO RJ

Leca disse...

"...Quem nos deu asas para andar de rastos?
Quem nos deu olhos para ver os astros
Sem nos dar braços para os alcançar?!..."
Lindo né...é Florbela Espanca...
Que flutua no meu blog...
E espera por você...
Beijos...
Leca...

*lua* disse...

Um tempo atemporal, só se mede a medida que sejamos saber o fim da dor ou o começo da felicidade! beijo

Brasigrega disse...

E temos tempo também para desenhar lindas palavras como as suas...
Um abraço

Mariazita disse...

Olá, bom dia
Agradecida pela visita, vim conhecer o teu espaço (aliás, espaçoS vários...) de que gostei muito.
Hoje fico-me por este; outro dia serão os outros, pois com uma olhadela rápida, agradaram-me.

"Tempo para amar, tempo para morrer" - Para tudo há um tempo certo. O que nem sempre acontece é acertarmos com o tempo...

Adoro Chaplin! Vi a maior parte dos deus filmes. Tenho um "esboço" de post sobre ele; qualquer dia sai à luz do dia...

Um dia feliz. Beijinhos


"A vida tem poucas certezas..."

"A eternidade é muito tempo para quem não é eterno."

Querer viver...

Querer viver...
"Amanhã quero ver o sol a brilhar nos telhados."

"Magia é quando vês uma criança sorrindo de braços abertos, em direcção a ti."

A morte...Sinto vontade de lhe dizer adeus.

A morte...Sinto vontade de lhe dizer adeus.
"A morte é uma espécie de viagem, com ida, sem volta conhecida."

Não ignorar.

Não ignorar.
Se me vires chorar empresta-me um lenço,não desvies o olhar.

Querer mudar.

Querer mudar.
"O meu passado não tem futuro, fui um filho da mãe."

" Falo de mim sem ego."